Cefaleia – Veja aqui o que ela é, quais são os seus sintomas e causas.

“Cefaleia” ou “Cefalgia” são os nomes científicos para a popular “dor de cabeça”. E esse tipo de problema as vezes pode ocorrer em apenas uma parte da cabeça, como por exemplo no lado direito, quando apresenta um complexo sintomático agudo, como a enxaqueca; ou então quando provém de uma doença em desenvolvimento, como infecções. No caso da dor ser aguda, chamamos de cefaleias primárias e se associada a alguma doença, cefaleias secundárias.

cefaleia

É estimado que 90% da população mundial já apresentou ou irá apresentar algum episódio de cefaleia ao longo da vida. Por isso, são muitos os casos onde as pessoas que possuem a doença em questão passam por diversos exames para diagnosticar a cefaleia, afinal ela pode surgir diversas vezes no dia a dia do indivíduo, assim sempre é bom ter um medicamento para auxiliar no tratamento do problema.

Sintomas

As dores de cabeça podem se manifestar de maneira súbita, subaguda ou crônica. Existem diversas coisas que mostram que o problema se trata de cefaleia antes mesmo da dor de fato surgir na pessoa, como crises de cefaleia em salvas após ingestão de álcool, ou serem desencadeadas por consumo de queijos ou vinhos, levando à enxaqueca.

Como já foi dito anteriormente, pode-se dizer que se trata de dor de cabeça antes mesmo da dor surgir, afinal existem sintomas que surgir entes dela, uma delas se torna a alteração na visão, alterações curtas que acabam fazendo com que a pessoa venha ver alguns pontos de luz, pontos luminosos na visão (escotomas cintilantes), irritação, astenia, falta de apetite e/ou depressão.

Se tratando agora da dor em si, ela pode possuir diversas características, podendo ser pulsátil, latejante, pressão, aperto, fincadas, ardência, lancinante, tudo isso surge em diversos níveis fraco, moderado, intenso, constante ou em salvas. Além de tudo isso existem casos onde ela ocorre de forma unilateral, bilateral, holocraniana (toda cabeça), frontal, retrocular, occiptal ou mesmo seguindo o padrão de distribuição das divisões do nervo trigêmeo na face.

cefaleia sintomas

É comum as pessoas associar este problema em questão com a sintomatologia autômica (náuseas, vômitos, hiperemia ocular, lacrimejamento, obstrução nasal, sensibilidade à luz e ao som) e até podendo relacionar ela com a sistêmica, um bom exemplo se torna a perda de peso, febre, desconforto, fadiga e inapetência.

Cefaleia tipos

A cefaleia divide-se em vários tipos, aqui vamos colocá-la em dois grandes grupos, as que acabam possuindo dores mais leves que era o grupo de dores primarias, e as segundarias, onde estarão aquelas que possuem uma dor mais elevada, ocasionadas por outras doenças. Acompanhe:

Primaria

Caracterizada pelas cefaleias crônicas de natureza primária, que quase sempre iniciam-se com uma pequena enxaqueca, cefaleias tensionais e cefaleias em salvas.

cefaleia tipos primaria

Segundaria

Falando da secundaria ela acaba surgindo junto com problemas relacionados a outros tipos de doenças, como aneurisma cerebral, sinusite, tumor cerebral, etc. A maioria dessas dores de cabeça desaparece quando a doença que a causa é curada. Todos esses problemas podem ocorre devido o ambiente onde a pessoa se encontra e também ocorrer por causa de alterações no organismo da pessoa. As cefaleias secundárias podem ter como causa:

  • Doenças que fazem a pressão de dentro da cabeça;
  • Traumas cranianos;
  • Uso excessivo de analgésicos;
  • Alteração metabólica;
  • Doenças que afetam as artérias;
  • Ingestão ou exposição a produtos químicos nocivos e tóxicos;
  • Problemas das estruturas pericranianas;
  • Tumores cerebrais;
  • Infecções.

Cefaleia tratamento

O tratamento dependerá do diagnóstico e das causas de base estabelecidos, pois ela pode sim ter cura como também pode não ter. O tratamento pode ser apenas com medicamentos, que podem ser:

  • Aspirina;
  • Naldecon;
  • Tylenol;
  • Carbamazepina;
  • Topiramato;
  • Cefalium;
  • Advil;
  • Dorflex;
  • Neosaldina;
  • Fenitoína;
  • Gabapentina;
  • Divalproato de sódio;
  • Torsilax.

É importante lembrar que o mercado medicamentoso oferece variedades de remédios para os mais diversos tipos de dor de cabeça, contudo, não se automedique, afinal a melhor coisa que pode se fazer é procurar um médico para que assim ele venha analisar bem a sua situação e assim lhe indicar o melhor medicamento para o seu tratamento.

Também há os casos mais graves, como nas hemorragias intracranianas ou mesmo meningites/encefalites, e quando se trata desses casos, existem grandes chances do paciente vir a ser internado em um hospital, tratamento cirúrgico e até mesmo procedimentos neurocirúrgicos.

cefaleia tratamento

Ainda existem alguns pré-tratamentos caseiros, para aliviar a dor, como chás de gengibre, cavalinha, chapéu-de-couro,  dente-de-leão com alfazema e tanchagem. Uma coisa que é importante se fazer antes de começar a tomar todos estes chás, é consultar o seu médico.

Conclusão

Vimos neste artigo que a cefaleia pode ser um problema extremamente grave para o nosso organismo, por isso devemos ficar sempre atentos com o surgimento dela em nosso corpo, por causa disso preste muita atenção nos tipos de também nas causas deles.

Assim sempre que tiver medo saberá se possuí ou não, mas lembrando, sempre opte por ir ao médico caso desconfie de algo, pois ele é um especialista e saberá o que fazer.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply