Dor no peito: O que é, causas e meios de prevenção



A dor no peito é uma situação em que a população deve se preocupar, pois ela é um sinal em que pode indicar tanto consequências leves, quanto consequências fatais para o corpo.

Pode ser chamada de dor no peito ou até mesmo dor torácica. Geralmente quando ocorre é sempre bom ficar em alerta, pois muitas vezes pode estar relacionada a infarto, e sempre é bom pesquisar antes ou até mesmo passar com um profissional se a dor persistir.

dor no peito

A dor no peito além de estar relacionada com o infarto, pode também ter relação com outros fatores, como: graves doenças cardiovasculares, angina, problema na caixa torácica, problemas no pulmão, esôfago e estômago.

Passar com profissionais é sempre uma boa opção, mesmo que não seja algo muito crítico, é bom dispensar sintomas que arrisquem demais nossa saúde.

No decorrer deste artigo, será possível entender detalhadamente sobre essa dor e sua possíveis consequências.

Possíveis causas da dor no peito

Os órgão que geralmente possuem relação com as dores no peito, são:

  • pâncreas;
  • estômago;
  • pulmão;
  • caixa torácica;
  • coração;
  • esôfago.

Tanto dor sensibilidade nas articulações como dor muscular podem ser causas das dores na região peitoral.

Procure ajuda médica!
Mas doenças que causam mais preocupação, que necessitam de cuidados médicos imediatamente e que podem oferecer risco de vida são as doenças cardíacas, que de fato possuem relação com o infarto.

O que pode ser?

Como já mencionado anteriormente, existem diversas possibilidades de sintomas que podem se associada com o infarto, e esses são:

Tensão muscular

Pode ser causada pelo excesso de exercícios, para saber se é tensão muscular, basta apenas pressionar o peito, se a dor aumentar, há 90% de chances de ser caso de tensão muscular.

dor no peito ou muscular


Pericardite

É uma inflamação nas camadas dos tecidos que ficam envolta do coração, a dor costuma ser um tipo de pontada no peito, bem parecida com a do infarto, porem a pericardite é desenvolvida quando há infecção viral.


Doença coronariana

É causada pelo acumulo de placas arteriais que dão sangue para o coração, ela é considerada uma doença cárdica. Ao passar do tempo, pode acontecer de o bloqueio do fluxo sanguíneo, assim causando mais dor na região do peito, esse bloqueio acontece pelo fato de depósitos de colesterol alojarem-se nas paredes arteriais

dor no peito por doença


Azia

Um sintoma simples, mas que em certos casos, pode dar uma dor no peito, pois como ela é uma sensação de queimação que ocorre no estômago, existem chances de ela subir para o esôfago, provocando um dor semelhante com a do infarto, deixando assim uma sensação desconfortável no peito.


Costocondrite

Dor provocada por conta da inflamação que ocorre quando o osso de uma costela toca na cartilagem inflamada, a dor surge ao deitar, tossir e também quando se respira profundamente, essa dor é umas das mais semelhantes ao infarto.

dor no peito pela idade


Pancreatite

Inflamação que acontece de forma repentina no pâncreas, que é capaz de irritar o tórax como de gerar dores abdominais intensas. Este problema exige que você contate um profissional, mesmo não sendo tão grave como o infarto.


Na mulher, existe uma dor que só elas possuem que se assemelha com o infarto:

Marsite

Na maior parte das vezes é uma inflamação nas mamas, principalmente devido á amamentação, as características da dor no seio são: desconforto na região dos seios, vermelhidão na pele e alta temperatura nos seios.


Gases

O acúmulo dos gases no intestino pode fazer com que empurre alguns órgãos e consequentemente causar uma dor irradiante no peito.


Gastrite

A gastrite consiste em uma inflamação no no estômago, que consequentemente pode estar ocasionando uma dor próxima ao coração.


Pneumonia

Quando o paciente contraí a doença, torna-se mais difícil a respiração, ocasionando uma dor intensa.


Esofagite

Uma possível inflamação no estômago, onde também pode ocasionar uma dor no peito, essa dor é causada no lado direito.


O ideal é sempre consultar um cardiologista, pois cada dor é uma necessidade e um tratamento diferente, é extremamente prejudicial deduzir um possível problema, tratar e posteriormente descobrir que se trata de outro, podendo até mesmo agravar a situação.

Como evitar?

Como as causas são diversas, é complicado indicar qual forma de se prevenir é a mais correta, podem a maior parte de pessoas que sofrem de dores no peito, possuem o excesso de preocupação, portanto muita ansiedade, quase todos tem dores por conta do estado psicológico/emocional abalado.

Como já mencionado, o ideal é procurar um cardiologista para que faça uma análise sobre o possível problema para que ele possa informar a real situação, e indicar as precauções necessárias.

dor no peito na rua

 

Boas alternativas naturais para o problema de tensão, são os famosos calmantes como o suco de maracujá e chá de camomila, eles ajudam a manter o corpo relaxado, o livrando de estresse e assim deixando a mente mais limpa. Sempre pratique exercícios, o sedentarismo é uma das principais causas de dores, principalmente em casos de infarto.

Tratamentos

Realize algum tratamento!
Sempre que sentir um dor no peito e ela persistir ou voltar de vez em quando, procure um profissional para poder se tratar, se o uso dos medicamentos que ele te indicar for feito de maneira correta, os sintomas da dor irão regredir.

Outras formas de tratar uma dor no peito mais grave, é por meio de cirurgia ou por os métodos combinados, isso pode variar conforme o nível do problema.

Dor do lado esquerdo e direito:

Em todos os casos vá ao médico para se for o caso descartar o risco de doença cardíaca. E se for doença cardíaca, irá ser indicados medicamentos para que a veia de sangue possa ser desentupida pelo coágulo e alcançar o coração.

dor no peito do lado direito

Dor quando se respira:

Ela pode ser causada por músculos, sendo assim o médico indicara analgésicos. Sempre quando sentir esse tipo de dor adicione compressas quentes em cima do seu peito, se ao passar mais de 2 horas e a dor não sumir, procure um médico imediatamente, dependendo do caso ele te dará medicamentos para resolver o problema.

Casos de cirurgia:

Cirurgias geralmente são usados em casos que os medicamentos não funcionam e que o paciente corra risco de vida ou morte. Existem três procedimentos cirúrgicos relacionados a dor no peito, eles são:

Angioplastia

Serve para combater obstrução de artérias, deixando o fluxo de sangue livre.

dor no peito necessita de cirurgia


Ponte de Safena

A principal característica dessa cirurgia é combater doenças arteriais e coronárias.


Reparo da dissecção da aorta

Substitui a aorta, usada em casos de riscos.

Remédios

Como podem ser inúmeros os casos de dor no peito, procure um médico para ter certeza do medicamento que precise tomar, os mais indicados são:
Brometo de ipratrópio, também conhecido como:

  • Ares;
  • Dipirona;
  • Nitroglicerina.
  • Ácido acetilsalicílico.

Que são medicamentos usados em casos mais sérios para anestesiar as artérias do coração;

Alimentos indicados

Existem alimentos no qual ajudam na prevenção, não só previne a dor no peito, como também outras possíveis dores:

Dor no peito tratamento

  • Semente de chia
  • Sardinha
  • Atum
  • Salmão
  • Abacate
  • Laranja azeda
  • Avelã
  • Abacate

Alimentos contraindicados

Como é de conhecimento, existem alimentos que evitam o infarto, que são as gorduras em excesso e também os carboidratos refinados, porém, existem outros alimentos que também é necessário que sejam evitados, principalmente no período da dor, dentre eles os que contém o excesso de açúcar e acidificantes do sangue:

Dor no peito sintomas

  • Carnes
  • Bebidas alcólicas
  • Batata
  • Massas em geral
  • Pães
  • Sal em excesso

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (965 votes, average: 4,90 out of 5)
Loading...

Leave a Reply