Gliclazida – Descubra aqui a forma de usar ele corretamente e também para que ele serve.

Hoje em dia temos a noção do mal que uma doença pode causar em nosso organismo, por causa disso sempre sabemos a forma de lidar com elas quando elas estão presentes dentro do nosso corpo, conseguindo assim fazer com que elas venham ser curadas com a utilização de medicamentos, dessa forma estes medicamentos acabam sendo usado por cerca de 1 semana ou 2 semanas no máximo, no entanto dependendo da doença o medicamento é usado sempre, isso ocorre com o gliclazida.

gliclazida

Sim o fármaco em questão é usado por algumas pessoas em todos os dias de sua vida ou em toda semana, afinal ele é um medicamento que ajuda no tratamento de uma doença muito ruim para o nosso organismo e que só pode ser tratada quando esta ocorrendo em nosso corpo, e o remédio em questão acaba ajudando e muito neste tratamento fazendo com que esta doença não venha prejudicar muito a nossa saúde.

Por conta disso tudo que hoje vamos falar um pouco mais deste produto medicinal chamado de gliclazida, pois se você o usa para tratar de problemas que ocorrem em seu organismo deve se preocupar também em conhecer mais sobre as propriedades que este fármaco acaba possuindo.

Para que serve?

O problema que este fármaco acaba tratando é da diabetes, sendo mais específico da diabetes tipo 2, esta que se torna uma doença muito ruim para o organismo de quem a possuí, e como sabemos a diabete é uma doença que não possuí cura, dessa maneira as pessoas que a possuem acabam necessitando do uso de remédios todos os dias de sua vida para que assim consigam controlar essa doença, fazendo assim com que ela não venha causar muito mal ao nosso corpo.

Por causa disso que hoje em dia se torna muito comum haver grande preocupação em conseguir tratar dela, afinal sabemos que ela muda o dia a dia de muitos por causa da necessidade de haver toma de medicamentos constantemente.

Contraindicações do gliclazida

Quando se trata deste medicamento ele também possuí contraindicações assim como qualquer outro, pois ele possuí diversos componentes potentes que fazem com que o nosso organismo muitas vezes venha rejeitar estes componentes, ou alguns problemas unidos com tais substâncias venham causar um pior estado em nossa saúde, por causa disso que saber quando o gliclazida também se torna essencial para cuidar da nossa saúde.

contraindicações do gliclazida

Dessa maneira você acaba precisando saber que ele não deve ser usado em casos de:

  • Apresenta diabetes tipo 1;
  • Doença renal;
  • Uso de medicamentos para tratamento de infecções fúngicas;
  • Hipersensibilidade a suas substâncias;
  • Corpos cetônicos ou açúcar na sua urina;
  • Amamentação;
  • Hepática grave.

Bula

Como sabemos este medicamento trata de uma doença extremamente ruim que afeta o organismo de muitas pessoas hoje em dia, e como deve imaginar ele possuí mitos componentes não é mesmo? No entanto você esta enganado pois o fármaco em questão possuí apenas alguns componentes que fazem com que ele se torne o medicamento que estamos conhecendo hoje.

E isso acaba sendo algo bom, pois faz com que ele não venha causar reações alérgicas a muitas pessoas, pois seus componentes acabam sendo apenas:

  • Componente principal: gliclazida 30 mg;
  • Fosfato de cálcio hidrogenado;
  • Dióxido de silício;
  • Povidona;
  • Estearato de magnésio;
  • Hipromelose.

Posologia do gliclazida

posologia do gliclazida

O fármaco em questão assim como todo outro deve ser utilizado da forma certa se busca se beneficiar com os seus efeitos em nosso corpo, no entanto como este medicamento é um medicamento extremamente potente e só é usado em poucos casos a sua dosagem apenas sendo recomendada apenas por um médico profissional.

Dessa maneira se você possuí diabetes tipo 2 a melhor coisa que pode fazer se busca tomar este remédio é procurar seu médico e ver com ele a forma que este remédio deve ser tomado, assim poderá se beneficiar muito com os efeitos bons que ele pode trazer ao seu corpo.

Efeitos colaterais

Se preocupar quando surgir esses efeitos colaterais em nosso corpo é a primeira coisa que fazemos, pois ninguém quer sofrer por causa de uma coisa que deveria nos ajudar, e é isso que acontece quando se trata do medicamento em questão, dessa maneira você se torna capaz de conseguir adquirir se prevenir destes efeitos usando o gliclazida da forma certa.

Assim os seguintes sintomas não tendem a ocorrer em seu corpo.

  • Diminuição do número de células sanguíneas;
  • Sangramento prolongado;
  • Dor de garganta;
  • Causar palidez;
  • Contusões;
  • Febre;
  • Coceira;
  • Angioedema;
  • Erupção cutânea;
  • Urticária;
  • Vermelhidão.

Preço

O custo de medicamentos indicados para tratar de problemas como a diabetes se torna em média R$ 25, no entanto este remédio em questão acaba possuindo um custo um pouco menor do que este, chegando a custar mais ou menos R$ 15.

Onde encontrar?

Se você possuí diabetes tipo 2 e busca ter este medicamento te auxiliando no tratamento da doença pode encontrar ele em qualquer farmácia que exista em sua cidade.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (178 votes, average: 4,60 out of 5)
Loading...

Leave a Reply