Herpes – O que é, como se prevenir, sintomas e muito mais

O HSV-1 acaba se manifestando através de feridas na área do rosto ou na região dos lábios, e que é transmitida pelo contato direto. Por outro lado o HSV-2 é muito mais comum nas áreas das genitais, e que também são as mais difíceis de serem tratadas, sendo necessário um tratamento mais demorado e delicado.

Se quiser ter mais informações sobre o que é a Herpes e como ela se espalhe, estão no lugar certo, pois aqui podem estar encontrando todas as informações que procuram em relação a esta doença, conferindo também tudo sobre o que precisam para que possam estar evitando ela. Confira então com muita atenção todos os dados que aqui estão.

O que é Herpes?

A Herpes é doença de pele que é bastante comum, na qual é provocada através do Herpes Simplex Vírus (HSV). Esse vírus é dividido em dois tipos, ou seja, o 1 e 2, e que é passado de uma pessoa para a outra através do contato físico.

herpes na boca

Já que o herpes não possui cura, quem possui o tipo de doença 2 nas genitais, é necessário que sempre use preservativos durante as relações sexuais para que possa evitar a transmissão da doença para as outras pessoas.

A partir do momento em que a pessoa é contraída, o vírus se permanece na pessoa latente antes que comece a se manifestar pelo resto da vida da pessoa, e foi afirmado pelo Virologista Antônio Carlos Misiara, do Hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

Principais sintomas

Assim que a Herpes aparece, ela começa criando diversas feridas que duram, na maioria das vezes, mais de uma semana até sumirem. Com o uso adequado do medicamento, fazem com que acelere mais o processo de cicatrização.

herpes nojenta

herpes enjoo

Todos estes novos períodos da manifestação desta doença pode diminuir para menos de três dias. Também existe um outro tipo de vírus, que é chamado de Varicela Zoster, que é tido como uma espécie de parente próximo do HSV.

Muita atenção!
Ele causa um tipo de doença que é popularmente conhecida como a famosa catapora. Mesmo ela tendo uma estrutura genética que é muito parecida com a da Herpes, ele somente se diferencia pela sua forma de contaminação e pela sua maneira se manifestar.

Como ela é transmitida

A transmissão da Herpes é ocorrida pelo contato direto entre lesões com a pele ou até mesmo com a mucosa de um indivíduo que não esteja infectada. O vírus pode seguir de forma oculta dentro do organismo da pessoa e podendo ocasionar eventuais reincidências.

herpes remedio

Todos os seus sintomas podem acabar sendo caracterizados pelas formações de pequenas bolhas cheias de um líquido claro e amarelado amarelo, na qual acabam se tornando muitas crostas quando acabam se rompendo. Elas podem acabar sendo seguidas de diversos sintomas locais como por exemplo:

  • agulhadas;
  • formigamento;
  • ardor.

Porém todos estes sintomas na maioria das vezes acabam sumindo em cerca de uma semana.

A herpes genital, no geral especial acompanha muitos sintomas como muita dor ao urinar e muita febre. Diversas pessoas descrevem uma tremenda sensação de forte choque, na qual é explicada pelas afinidades desses vírus com todas as suas terminações nervosas.

herpes genital

A maioria dos especialistas descrevem que a 1º forma de infecção na maioria das vezes pode ser a mais severa e o seu restabelecimento completo, leva muito mais tempo. Em seu reaparecimento, todos os seus sintomas são praticamente os mesmos, só que com uma intensidade bem menor.

Formas de evitar a contaminação

  • Controle seu emocional

Muitos fatores emocionais como o estresse podem acabar influenciando muito na imunidade de sua pele e facilitar muito o aparecimento dos vírus que estão dormentes ou inativos em seu organismo.

Em muitas das vezes não há como você evitar todos os momentos estressantes, pois a nossa vida esta repleta de problemas que enfrentamos em nosso dia a dia, porém o ideal é ficar muito atento ao iniciar o seu tratamento quando começarem a aparecer os primeiros sintomas!

  • Fuja do sol

Os dias de verão podem ser muito cruéis para as pessoas que possuem herpes labial. Mas para que você não se irrite com o aparecimento destas temidas bolinhas, sem dúvida a melhor forma de proteção, é se esconder dos efeitos do sol. Sem contar que esta prevenção também é muito boa e importante para evitar a contaminação de outros tipos de doenças causadas pela exposição ao sol, assim como o próprio câncer de pele.

  • Adote uma alimentação saudável

Muitos dermatologistas contam que a alimentação em si não podem influenciar de forma direta nas lesões que são causadas pela herpes, mas sim praticar uma dieta balanceada pode acabar colaborando para a prevenção e o aparecimento das mesmas. Lembrem-se também que é necessário que venham estar evitando alguns tipos de frutas, em especial as ácidas, assim como:

  • abacaxi;
  • limão;
  • laranja;
  • morango;
  • uva.

É muito essencial que evitem o consumo dessas frutas exatamente por elas serem frutas ácidas, que dessa forma acaba fazendo com que ao entrar em contato com a ferida, venha a causar uma dor muito forte, uma ardência horrível, e sem contar que pode acaba fazendo com que ela E que também amenizam o desconforto e dor nas feridas.

Uma fruta ideal para esse tipo de doença é a melancia e o mamão ambas são frutas com bastante água e dificilmente irá danificar a feriado quando no estado já de cura.

Pomadas mais indicadas

Existem muitos tratamentos para a herpes na boca que podem e devem ser orientado por algum clínico médico geral ou na maioria das vezes um farmacêutico, mas independente da situação é indicado que se consulte antes de sair comprando, e que certamente conheça a pomada que estará comprando. Normalmente é feito com o uso de algumas pomadas como:

  • Zovirax;
  • Aciclovir;
  • Valaciclovir;
  • Famciclovir.

Ambas estas pomadas precisam ser aplicadas no mínimo 5 vezes ao dia, durante um período de 7 dias, na qual no decorrer do tratamento, o paciente deve tomar todos os tipos de precaução para não contaminar mais ninguém, e é exatamente por isso não deve tocar seus lábios com o de mais nenhuma pessoa, pois poderá transmitir e contaminar outras pessoas e com isso uma pessoa vai passando para outra até contaminar todo mundo com o vírus.

herpes pomada

O HSV-1 acaba se manifestando através de feridas na área do rosto ou na região dos lábios, e que é transmitida pelo contato direto. Por outro lado o HSV-2 é muito mais comum nas áreas das genitais, e que também são as mais difíceis de serem tratadas, sendo necessário um tratamento mais demorado e delicado.

O HSV-1 acaba se manifestando através de feridas na área do rosto ou na região dos lábios, e que é transmitida pelo contato direto. Por outro lado o HSV-2 é muito mais comum nas áreas das genitais, e que também são as mais difíceis de serem tratadas, sendo necessário um tratamento mais demorado e delicado.

herpes medicamento

A pessoa com a herpes deve sempre se secar com a mesma toalha após os banhos e de maneira alguma deve compartilhar sua toalha com outra pessoa, pois caso isto aconteça há muitas chances de contaminar a outra pessoa também. Ou seja, caso tenha herpes evite ter contato direto com outros para que também na contamine eles, e sim faça um tratamento para poder amenizar ela e fazer sumir de vez.

Tratamento caseiro

Um bom tratamento caseiro e muito usado consiste em todos os dias comer um dente de alho crú, sabemos que é ruim, amargo comer ele crú, mas é um dos remédios caseiros mais confiáveis, e que com certeza pode acabar com o seu problema em pouco tempo de uso correto. Esse tipo de tratamento deve ter seu inicio logo no começo dos sintomas da herpes, e deve ser feito até que seja curado por completo.

herpes caseiro

Sem contar que além de tudo isso existem outros tipos remédios caseiros que são feitos com Jambu e Erva Cidreira, que ajudam a diminuir e curar as bolhas na boca mais rápido. Seus resultados são rápidos e eficientes, em poucos dias com o tratamento diários suas herpes somem.

Impressionante!
E por serem caseiros quer dizer que seus ingredientes também são totalmente naturais e não trazem nenhum tipo de risco para quem for o consumir. Se este for o caso a pessoa não precisa se preocupar com nenhum tipo de efeito colateral ou qualquer outro tipo de complicação para quem os consumir.

Conclusão

Para combater esse tipo de doença é preciso que fique atento as reações e novidades em seu corpo, pois quando mais rápido você identificar a doença mais rápido você será curado, sem dar chance para que a doença se espalhe pelo seu corpo podendo de prejudicar ainda mais a sua saúde e bem estar.

Como já foi dito acima tem diversos tipos de tratamento para combater a doença de forma tranquila, porém é preciso seguir os procedimento corretamente para ter muito mais eficácia. Porém o ideal seria procurar um médico o mais rápido possível pois ele saberá o remédio ideal para que você tenha sucesso rápido em seu tratamento.

Então fique atento a essa doença pois muitas vezes ela é silenciosa e requer cuidados médio para uma recuperação rápida e sem sequelas, para que você tenha uma vida saudável e volte a sua rotina diária normal livre dessa doença.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (978 votes, average: 4,90 out of 5)
Loading...

Leave a Reply